ptzh-CNendees

Deseja logar em sua conta

Usuário *
Senha *
Lembrar
Previous Next

Construtoras podem reduzir custos com a compra de matéria-prima

Ao pesar os caminhões com areia, pedra e concreto, as construtoras confirmam se realmente estão pagando por aquilo que pediram.

A construção civil tem crescido muito em todo país. São obras espalhadas por toda parte, como condomínios e prédios (comerciais e residenciais). Isso significa muito trabalho para as construtoras, que trabalham com incorporação, construção e vendas.

Com tantas obras, as construtoras precisam ter um controle de entrada e saída de matéria-prima: concreto, cimento e agregados. Algo que também impeça desvios e fraudes no descarregamento dos materiais dentro das obras.

Para resolver essa necessidade das construtoras, a Celmi – Tecnologia em Pesagem, tem oferecido no mercado a Balança de Plataforma (Sapata), para caminhões, modelos CM-1002 e CM-1002 Truck, com cabo ou wireless. Um sistema portátil, com capacidade de até 32 toneladas.

Segundo o diretor da Celmi, Celso Missias, usando a balança, já no primeiro mês, as construtoras podem perceber uma melhoria considerável no seu processo de recebimento das matérias-primas. “A primeira percepção é a redução de custo na compra de concreto. Com a balança, é possível fazer um relatório mensal onde a quantidade entregue pelo fornecedor é comparada a quantidade comprada”, disse ele.

Outra vantagem é que a balança é de fácil manuseio. Após a conclusão da obra, ela pode ser transportada para outro local.

Gostou da ideia? Mais informações no (43) 3035-1667 e no nosso site www.celmi.com.br